NOTÍCIAS E ARTIGOS

Fórum reúne notáveis para pensar o fomento do mercado de seguros

01/07/2021

 

Um fórum totalmente independente, que reúne profissionais e executivos de diferentes segmentos do mercado, foi criado por seis lideranças do setor para pensar os rumos que devem ser seguidos para que se alcance um desenvolvimento sustentado e de longo prazo da atividade de seguros no Brasil. Três meses após sua instalação formal, o Fórum Mário Petrelli de Fomento do Mercado de Seguros, Previdência, Capitalização e Resseguros Privados, já conta com 19 membros e deve a chegar a 30, limite imposto pela ata de criação. “Formamos um grupo eclético, cada um cooperando em mais de uma área específica, seja na distribuição, inovação, resseguro, comunicação. Não há o objetivo de substituir ou confrontar qualquer entidade ou órgão que já exista, mas complementar esse trabalho e discutir o fomento e como podemos desenvolver e fazer o mercado evoluir”, afirma o presidente do Conselho Consultivo da MAG Seguros, Marco Antônio Gonçalves, um dos criadores do Fórum, ao lado dos presidentes da Fenacor, Armando Vergilio; do Sincor-SP, Alexandre Camilo; do Conselho Administrativo e do CEO da MAG Seguros, Nilton Molina e Helder Molina; e do vice-presidente da Fenacor, Robert Bittar.

Ele revelou que a ideia do fórum surgiu em setembro de 2020, em uma conversa entre os fundadores sobre os possíveis efeitos da pandemia no mercado e outras questões relevantes, como a Resolução 382. “Chegamos à conclusão de que era preciso aproveitar este momento para discutir o papel importante do mercado de seguros, o fomento e o desenvolvimento do setor de forma diferente do que as entidades já fazem”, acrescentou.

Gonçalves destacou a importância de o fórum ser integrado por profissionais de diferentes áreas, todos com profundo conhecimento do mercado e que podem colaborar para o debate e a formulação de propostas.

Outro ponto importante enfatizado por ele é que não há, no fórum, o propósito de protagonizar ações junto aos órgãos reguladores. A ideia é “criar propostas para abrir caminhos. “Podemos desenvolver uma proposta e apresentar tanto para a CNseg ou a Fenacor ou direto para a Susep”, acentuou.

Já os critérios para a seleção de participantes são simples. Os convidados sempre serão pessoas físicas, não importando se representam uma empresa ou entidade, que tenham o mesmo propósito e conhecimento para ajudar no debate das questões mais relevantes para o setor em debate no fórum.

Esses nomes deverão ser recomendados por, pelo menos, três membros já inscritos e aprovados pelo Comitê Executivo – temporariamente formado pelos seis membro fundadores – e pela maioria simples dos membros efetivos que compõem o Fórum.

Marco Antônio Gonçalves permanecerá como coordenador desse Comitê, até que seja eleito o colegiado definitivo.

 

Vejam quem são os 19 membros do Fórum (por ordem alfabética)

1.           Alexandre Milanese Camilo

2.           Antonio Penteado Mendonça

3.           Ariel Couto

4.           Armando Vergílio dos Santos Junior

5.           Boris Ber

6.           Gustavo Roberto Vieira Doria Filho

7.           Helder Molina

8.           João Elísio Ferraz de Campos

9.           Joaquim Mendanha de Ataídes

10.         Jose Adalberto Ferrara

11.         Lucas de Castro Santos

12.         Luciano Snel Correa

13.         Marcelo Blay

14.         Marco Antônio Messere Gonçalves

15.         Nilton Molina

16.         Paulo Eduardo Botti

17.         Pedro Pereira de Freitas

18.         Ricardo Iglesias Teixeira

19.         Robert Bittar