NOTÍCIAS E ARTIGOS

Saiba quais são as oportunidades de investimento em renda fixa

08/11/2021

Em parceria com a XP Investimentos, aMAG Investimentos realizou a Live “Oportunidades em Renda Fixa”, que apresentou a visão da gestora sobre a retomada dos mercados de renda fixa e crédito privado diante do cenário atual, e as soluções de investimentos disponíveis aos investidores na Plataforma da XP. O tema foi abordado pelos palestrantes Gláucio Bueno e Edvaldo Garcia, respectivamente, Gestor de Crédito Privado e Head de Distribuição da MAG Investimentos.

Durante a live, Glaucio abordou os principais desafios que o mercado de Crédito Privado vem passando nos últimos anos. O mercado vinha em uma crescente exponencial e foi impactado no final de 2019 com a abertura dos spreads de crédito, ou seja, diante do ciclo de afrouxamento monetário promovido pelo Banco Central, o mercado ajustou sua percepção de risco, elevando o spread cobrado nas operações. Em março de 2020, com o início da pandemia, vivemos um período de grande estresse no mercado financeiro de forma geral, com destaque para o impacto nos fundos de Crédito Privado.

Após a fase mais aguda da pandemia, o mercado passou a avaliar melhor os impactos sobre a economia e melhorou suas perspectivas. No mercado de Crédito, onde os ativos estavam marcados a preços muito acima do razoável, a redução do prêmio passou a ser observada diariamente, contribuindo de forma significativa para o retorno dos fundos dessa classe, que, consequentemente, passaram a atrair os investidores novamente.

Os palestrantes falaram sobre os fundos disponíveis na plataforma da XP, que englobam as estratégias de renda fixa, crédito privado, inflação e previdência privada, dando foco para o fundo Mongeral Aegon CP FIRF LP. Um fundo de crédito privado que possui estratégia bem diversificada entre emissores e segmentos com elevada qualidade de crédito, e que busca oferecer uma rentabilidade acima do seu benchmark (CDI), com baixa volatilidade e liquidez. O produto é destinado aos investidores em geral e possui aplicação inicial mínima de R$ 1 mil.

Glaucio ainda pontuou que no cenário atual esperamos mais fechamento dos spreads, ainda que de forma mais lenta, o que se traduz em retornos mais estáveis nos fundos de crédito e que um bom processo de seleção de emissores aliado a uma rigorosa avaliação de risco e retorno dos ativos, e disciplina aos limites estipulados, são primordiais para uma boa gestão.

Além disso, foram apresentadas as novidades da gestora que em breve disponibilizará na Plataforma da XP novos produtos que serão ótimas oportunidades para complementar a carteira de investimento dos clientes.