NOTÍCIAS E ARTIGOS

Desafios e benefícios da inclusão digital na terceira idade

28/07/2022

A tecnologia está presente no dia a dia de muitas pessoas, e engana-se quem pensa que os idosos não podem se interessar pelo assunto: a conexão aos recursos digitais pode apresentar inúmeros benefícios para a vida profissional e pessoal de pessoas da terceira idade. Dentre as possibilidades, a tecnologia ajuda na saúde – auxiliando os indivíduos a se manterem mentalmente ativos -, no bem-estar e na autoestima, entre outras.

 

De acordo com uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), com o apoio do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e em parceria com a OfferWise Pesquisas, 97% das pessoas com mais de 60 anos no Brasil estão navegando na internet. Além disso, o levantamento também mostrou que dentre os idosos conectados 84% utilizam smartphones.

 

Dessa maneira, a inclusão digital é necessária pois tanto a sociedade quanto o mercado de trabalho valorizam as pessoas que possuem conhecimentos tecnológicos. Os recursos digitais ainda são importantes para idosos que querem continuar trabalhando, buscar uma recolocação ou mesmo para os aposentados que desejam planejar seus gastos financeiros, se divertir, ou até mesmo aprender algo novo.

 

Segundo Arnaldo Lima, diretor do Instituto de Longevidade MAG, a inclusão digital é capaz de combater alguns dos obstáculos que os idosos costumam encontrar no mercado de trabalho. “Um dos principais desafios para as pessoas nessa faixa etária é o fato de estarmos vivendo um momento em que a aceleração tecnológica é intensa, sendo assim necessária a reciclagem de conhecimentos e a flexibilidade de aprender a utilização de novas ferramentas de trabalho”, destaca o diretor.

 

Além disso, a inclusão digital também pode proporcionar aos idosos uma melhoria na qualidade de vida, contribuição para a inclusão social, estimulação das atividades cerebrais e diversão, entre outras possibilidades.

 

“Muitos idosos se sentem desmotivados quando dependem de outras pessoas para realizarem suas atividades diárias. Nesse sentido, a tecnologia oferece liberdade, pois torna as pessoas mais independentes, possibilitando que elas consigam realizar suas tarefas sem ajuda de terceiros. Ter essa autonomia contribui para a autoestima e bem-estar dos idosos”, conclui Arnaldo.

 

Oportunidade para os 50+

 

O Instituto de Longevidade MAG oferece mais de 300 cursos gratuitos de requalificação online. É uma excelente oportunidade para pessoas com mais de 50 anos que buscam se atualizar sobre as novas tecnologias. Para se inscrever, basta acessar https://institutodelongevidademag.org/servicos-50/cursos-de-requalificacao