Sindsegnne

Volume de indenizações de seguros no Rio Grande do Sul chega a quase R$ 4 bilhões

O volume de pedidos para pagamento de indenizações de seguros relacionados à enchente no Rio Grande do Sul mais que dobrou entre maio e junho. Dados do segundo levantamento elaborado pela Confederação Nacional das Seguradoras (CNseg) junto às suas 150 associadas mostram que os pagamentos solicitados às seguradoras atingiram R$ 3,885 bilhões, valor R$2,2 bilhões a mais do que o divulgado em 24 de maio, quando os registros somaram R$ 1,673 bilhão.

Para o presidente da CNseg, Dyogo Oliveira, os números mostraram um crescimento frente aos dados divulgados em maio, mas que ainda não é o número final de indenizações a serem pagas. “Esperávamos que houvesse um crescimento considerável nas indenizações e esse número deve continuar crescendo nas próximas semanas, inclusive porque as chuvas voltaram a cair no estado”.

Em coletiva de imprensa, realizada em 19 de junho, questionado sobre um possível impacto negativo no setor, o presidente da CNseg destacou a capacidade financeira da empresa e ainda esclareceu que esses eventos climáticos, como o vivenciado no estado gaúcho, têm um efeito duplo. “Por um lado, podemos ter uma redução de contratos no Rio Grande do Sul em função do impacto direto nas pessoas e empresas do Estado. Mas, por outro lado, podemos ter um crescimento da procura em outras regiões em função do alerta que fica para a necessidade da contratação de seguros.”

Em quantidade, as seguradoras associadas à CNseg registraram 48.870 pedidos de sinistros, alta de 108% em relação à divulgação anterior que foi de 23.441. As solicitações realizadas pelo setor agrícola foram as que mais avançaram em relação ao primeiro levantamento. Com alta de 284%, até agora foram 2.215 pedidos de indenizações somando R$ 181,7 milhões.

Já em termos absolutos, Grandes Riscos aumentou em R$ 815,2 milhões de um mês para outro, alcançando pagamentos de R$ 1,32 bilhão, sendo até agora o que registrou o maior volume de indenizações. Já são 599 sinistros avisados. Na sequência, aparecem os avisos relativos a automóvel com pouco mais de 19 mil pedidos, totalizando R$ 1,27 bilhão em pagamentos a serem feitos.

Confira a coletiva na íntegra clicando aqui.

Fonte: Seguradoras/CNseg

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *